Rede de Bibliotecas Comunitárias realiza seminário na Câmara

A Câmara Municipal de Salvador abrigou na quarta e quinta-feira (2 e 3) o “VI Seminário Ler: Direito de Todos”. No auditório do Centro de Cultura, a Rede de Bibliotecas Comunitárias de Salvador realizou debates, cotação de história, sarau de poesia e palestras. No primeiro dia de evento, o vereador Sílvio Humberto (PSB) presidiu, pela manhã, uma audiência pública sobre o Plano Municipal do Livro, Leitura e Biblioteca (PMLLB).

10403609_915413355197735_5326009789759863160_n

Ainda na quarta-feira, no turno vespertino, o debate destacou o tema “Biblioteca Pública, Escolar e Comunitária: Em busca de uma ação integrada”. Nesta quinta-feira, pela manhã, o tema em questão foi “Biblioteca Comunitária: Espaço de Educação, Cultura e Participação Social”.

Audiência pública

Na audiência pública requerida e dirigida por Sílvio Humberto, o vereador defendeu a potencialização de iniciativas criadas pelas comunidades para melhorar as bibliotecas. “Acredito que uma alternativa é o governo potencializar as medidas que a própria comunidade já faz, não apenas criar novos projetos. Por já estarem atuando no meio da comunidade, essas ações podem causar maior impacto, precisando apenas dos recursos necessários”, destacou.
A secretária de Políticas para Mulheres do Estado da Bahia, ex-vereadora Olívia Santana, observou que existe uma lógica contrária para os que pensam que o livro e a leitura são apenas para as classes mais altas da sociedade. “Tudo está acessível a todos”, afirmou.
Representante da Rede de Bibliotecas de Salvador, Zanilza Ventura se mostrou indignada com o tramite do PMLLB para se transformar em lei. “O ser humano precisa conhecer para mudar. As bibliotecas são espaços para formar e informar leitores, sendo uma grande fonte de prazer. As bibliotecas comunitárias atuam em 12 bairros e precisamos fazer com que as ações de leitura tenham real impacto nestes locais. É com a transformação do PMLLB em lei que esse impacto ocorrerá”, defendeu.
Também participaram da audiência o vereador Hilton Coelho (PSOL), a vice-prefeita Célia Sacramento, a representante da Secretaria Municipal de Educação, Lourdes de Fátima Pinto, e a representante do Centro Cultural Luis Freire, do Recife, Cida Fernandez.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s